O Dia do Senhor

O Dia do Senhor na Bíblia tem duas conotações. A primeira delas: como dia estabelecido por Deus para adoração. E a segunda: o dia do juízo de Deus.

Gostaria de deter sua atenção neste artigo na primeira conotação, o dia estabelecido por Deus para adoração. Ainda hoje muito se discute a respeito de qual é o Dia do Senhor. Para a grande maioria do mundo cristão não há dúvidas, este dia é o domingo.

Entretanto para uma outra minoria, o Dia do Senhor é o sábado. Mas o que leva a cada um destes dois grupos manterem sua posição com relação a este dia de adoração?

Para os que atribuem ao domingo como Dia do Senhor, perceba que não existe nenhuma autoridade Bíblica que determine este dia como dia de adoração. A autoridade que determinou o domingo como dia de adoração é uma autoridade extra-bíblica, a tradição. A igreja determinou este dia. Homens determinaram este dia, o nome domingo, se quer é mencionado em toda Bíblia, quanto mais temos um mandamento direto e objetivo para sua guarda como dia de adoração.

Por outro lado os que atribuem ao sábado como Dia do Senhor,  possuem a autoridade Divina e Bíblica sobre este dia, como dia de adoração. São inúmeras as referencias ao sábado como Dia do Senhor, incluindo um mandamento direto e objetivo para sua guarda como dia de adoração.

Lembra-te do dia do sábado, para o santificar. Seis dias trabalharás e farás toda a tua obra, 10 mas o sétimo dia é o sábado do Senhor, teu Deus; não farás nenhuma obra, nem tu, nem o teu filho, nem a tua filha, nem o teu servo, nem a tua serva, nem o teu animal, nem o teu estrangeiro que está dentro das tuas portas. 11 Porque em seis dias fez o Senhor os céus e a terra, o mar e tudo que neles e ao sétimo dia descansou; portanto, abençoou o Senhor o dia do sábado e o santificou.
Exodo 20.9-11

Tu, pois, fala aos filhos de Israel, dizendo: Certamente guardareis meus sábados, porquanto isso é um sinal entre mim e vós nas vossas gerações; para que saibais que eu sou o Senhor, que vos santifica.
Exodo 31.13

E também lhes dei os meus sábados, para que servissem de sinal entre mim e eles, para que soubessem que eu sou o Senhor que os santifica.
Ezequiel 20.12

E santificai os meus sábados, e servirão de sinal entre mim e vós, para que saibais que eu sou o Senhor, vosso Deus.
Ezequiel 20.20

Se desviares o teu pé do sábado, de fazer a tua vontade no meu santo dia, e se chamares ao sábado deleitoso e santo dia do Senhor digno de honra, e se o honrares, não seguindo os teus caminhos, nem pretendendo fazer a tua própria vontade, nem falar as tuas próprias palavras,
Isaias 58.13

Como vimos nas passagens anteriores, o Senhor chama o dia de sábado, de meu. Ou seja ele é o detentor do sábado, Ele tem a posse deste dia, e se Ele possui este dia, é claro que o dia do Senhor continua sendo o sábado. A expressão máxima desta posse estão nas palavras do nosso Senhor Jesus Cristo:

Porque o Filho do Homem até do sábado é Senhor.
Mateus 12.8

Diante de todas estas provas, me permita realizar uma última argumentação em favor do sábado como Dia do Senhor.

Antes do pecado qual era o dia de adoração?

Assim, os céus, e a terra, e todo o seu exército foram acabados. E, havendo Deus acabado no dia sétimo a sua obra, que tinha feito, descansou no sétimo dia de toda a sua obra, que tinha feito. E abençoou Deus o dia sétimo e o santificou; porque nele descansou de toda a sua obra, que Deus criara e fizera.
Genesis 2.1-3

Após a volta de Jesus e em Seu Reino Eterno, qual será o dia de adoração?

22 Porque, como os céus novos e a terra nova que hei de fazer estarão diante da minha face, diz o Senhor, assim há de estar a vossa posteridade e o vosso nome. 23 E será que, desde uma Festa da Lua Nova até à outra e desde um sábado até ao outro, virá toda a carne a adorar perante mim, diz o Senhor.
Isaías 66.22-23

Se antes do pecado, o dia de adoração estabelecido por Deus era o sábado, e após a purificação do pecado, o dia de adoração continuará sendo o sábado. O que pode nos levar a acreditar que hoje, no período em que vivemos o Dia do Senhor não é o sábado? A tradição dos homens.

29 Porém, respondendo Pedro e os apóstolos, disseram: Mais importa obedecer a Deus do que aos homens.
Atos 5.29

Deus abençoe a todos!

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *